Redes sociais


sexta-feira, 21 de agosto de 2015

MUNICÍPIO DE VALENTE :

Prefeito de Valente é multado por gastos com festejos juninos

19 de agosto de 2015

Nesta quarta-feira (19/08), o Tribunal de Contas dos Municípios julgou parcialmente procedente a representação formulada pelo Ministério Público de Contas contra o prefeito de Valente, Ismael Ferreira de Oliveira, que desconsiderou a situação emergencial enfrentada pela população municipal por conta do longo período de seca e contratou empresas para a comemoração de festejos juninos entre os dias 21 e 24 de junho do exercício de 2013, somando o montante de R$ 239.925,00.
A relatoria multou o gestor em R$ 1.500,00 e afirmou não ser aceitável que estando o município submetido a situação de emergência devido ao baixo índice pluviométrico ensejando forte seca na região sisaleira no referido exercício, o gestor promovesse os festejos juninos sob a alegação de que a emergência teria sido decretada apenas na zona rural e que se trata de festejo tradicional, realizado desde o ano de 1993 com a inauguração do forródromo municipal. 
Apesar ter comprovado o cumprimento de todos os índices constitucionais no período e que os festejos foram benéficos para a economia local com a movimentação de atividades econômicas relacionadas ao evento, inclusive com significativo aumento da receita própria do município, o gestor deve ter maior equilíbrio na realização de gastos com a promoção de eventos culturais – concluíram os conselheiros.
Cabe recurso da decisão.
Assessoria de Comunicação
Tribunal de Contas dos Municípios do Estado da Bahia
+ 55 (71) 3115-4444
www.tcm.ba.gov.br

segunda-feira, 17 de agosto de 2015

Tiroteio em Monte Santo, quatro tiros e três feridos



Um tiroteio ocorreu hoje (17) ás 21h no final da rua Centenário da República em Monte Santo.
As primeiras informações dão conta que algumas pessoas estavam lanchando em um trailer quando um indivíduo conhecido por Jorge Serralheiro se envolveu em uma discussão e sacou uma arma atirando contra um homem que estava no local, foram aproximadamente 4 tiros que atingiram dois homens e uma criança, rapidamente as vítimas foram socorridas para o hospital Monsenhor Berenguer de onde devido o estado grave os dois homens foram transferidos para hospital Geral em Salvador, já a criança encontra-se internada em observação no hospital da cidade pois foi alvejada de raspão no braço e não corre risco de morte.
A polícia investiga os motivos do crime e está buscando o autor dos disparos que se encontra foragido.
Monte Santo Net

Mercado financeiro prevê, pela 1ª vez, retração do PIB também em 2016

Para este ano, queda prevista já passa de 2%. 

Expectativa dos analistas é de dólar em quase R$ 3,50 no fim deste ano.

Alexandro MartelloDo G1, em Brasília
Os economistas do mercado financeiro acreditam que a economia brasileira vai demorar mais tempo para se recuperar. Segundo o relatório de mercado, também conhecido como Focus, divulgado nesta segunda-feira (17), o Produto Interno Bruto (PIB) deverá "encolher" não somente neste ano, mas também em 2016. Foi a primeira vez que o mercado previu o PIB se retraindo no ano que vem.
ESTIMATIVAS PARA O PIB 2016
Em %
0,50,50,330,20,20-0,15em %03/0710/0714/0724/0731/0707/0814/08-0,200,20,40,6
Fonte: BCB
Para o comportamento da economia neste ano, os analistas passaram a estimar, na semana passada, uma retração de 2,01%. Foi a quinta queda seguida deste indicador. Até então, a expectativa do mercado era de um recuo de 1,97% para o PIB de 2015. Se confirmado, será o pior resultado em 25 anos, ou seja, desde 1990 – quando foi registrada uma queda de 4,35%.
Para 2016, os economistas das instituições financeiras passaram a prever uma contração de 0,15% no Produto Interno Bruto do país. Na semana anterior, haviam estimado um PIB zero. Para se ter uma ideia, no início deste ano, a previsão dos economistas era de uma expansão de 1,8% para a economia brasileira no ano que vem. O relatório de mercado é fruto de pesquisa do BC com mais de 100 instituições financeiras.
ESTIMATIVAS PARA O PIB 2015
Em %
-1,24-1,27-1,3-1,35-1,45-1,49-1,5-1,5-1,7-1,76-1,8-1,97-2,01em %22/0529/0505/0612/0619/0626/0603/0713/0717/0724/0731/0707/0814/08-2,2-2-1,8-1,6-1,4-1,2
Fonte: BCB
O PIB é a soma de todos os bens e serviços feitos em território brasileiro, independentemente da nacionalidade de quem os produz, e serve para medir o comportamento da economia brasileira.
No fim de maio, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) informou que a economia brasileira registrou queda de 0,2% no primeiro trimestre de 2015, puxada pelo desempenho negativo do setor de serviços e da indústria, bem como pelo recuo do consumo das famílias e dos investimentos. Neste início de ano, o que evitou um tombo ainda maior do PIB foi a agropecuária.
Inflação
Para a inflação oficial do país, medida pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), a previsão do mercado financeiro ficou estável em 9,32% na semana passada. Se confirmado, será o maior índice em 13 anos, ou seja, desde 2002 – quando somou 12,53%.
Segundo economistas, a alta do dólar e principalmente dos preços administrados (como telefonia, água, energia, combustíveis e tarifas de ônibus, entre outros) pressiona os preços em 2015. Além disso, a inflação de serviços, impulsionada pelos ganhos reais de salários, segue elevada.
ESTIMATIVAS PARA O IPCA 2015
subtítulo
8,398,468,798,9799,049,129,159,239,259,329,32em %29/0505/0612/0619/0626/0603/0713/0717/0724/0731/0707/0814/0898,258,58,759,259,5
Fonte: BCB
Para 2016, a expectativa de inflação do mercado subiu de 5,43% para 5,44% na última semana. Foi a segunda alta consecutiva da previsão do mercado financeiro para o IPCA do ano que vem.
Pelo sistema que vigora no Brasil, a meta central para 2015 e 2016 é de 4,5%, mas, com o intervalo de tolerância existente, o IPCA pode oscilar entre 2,5% e 6,5%, sem que a meta seja formalmente descumprida. Com isso, a inflação deverá superar o teto do sistema de metas em 2015, algo que não acontece desde 2003.
Taxa de juros
Após o Banco Central ter subido os juros para 14,25% ao ano no fim de julho, o maior patamar em nove anos, o mercado manteve a estimativa de que não devem ocorrer novos aumentos de juros em 2015. Para o fim de 2016, a estimativa recuou de 12% para 11,88% ao ano - o que pressupõe reduções da taxa Selic ao longo do ano que vem.
A taxa básica de juros é o principal instrumento do BC para tentar conter pressões inflacionárias. Pelo sistema de metas de inflação brasileiro, a instituição tem de calibrar os juros para atingir objetivos pré-determinados. As taxas mais altas tendem a reduzir o consumo e o crédito, o que pode contribuir para o controle dos preços.
Câmbio, balança e investimentos
Nesta edição do relatório Focus, a projeção do mercado financeiro para a taxa de câmbio no fim de 2015 subiu de R$ 3,40 para R$ 3,48 por dólar. Para o término de 2016, a previsão dos analistas para a taxa de câmbio avançou de R$ 3,50 para R$ 3,60.
A projeção para o resultado da balança comercial (resultado do total de exportações menos as importações) em 2015 subiu de US$ 7,70 bilhões para US$ 8 bilhões de resultado positivo. Para 2016, a previsão de superávit avançou de US$ 15 bilhões para US$ 15,19 bilhões.
Para este ano, a projeção de entrada de investimentos estrangeiros diretos no Brasil permaneceu em US$ 65 bilhões. Para 2016, a estimativa dos analistas para o aporte ficou estável também em US$ 65 bilhões.

Número de mortos em acidente na China chega a 114; veja vídeo de explosão

Segunda, 17 de Agosto de 2015 - 08:40


Número de mortos em acidente na China chega a 114; veja vídeo de explosão
Foto: Xinhua Agency News
O número de mortos devido às explosões na cidade chinesa de Tianjin subiu nesta segunda-feira (17) para 114, após terem sido encontrados mais dois novos cadáveres, numa região em que 70 pessoas continuam desaparecidas. O acidente deixou ao menos 700 pessoas feridas. Apenas 54 corpos foram identificados até agora, de acordo com Gong Jiansheng, responsável pelo departamento de imprensa de Tianjin, citado pela agência Xinhua. As autoridades da cidade do norte da China asseguraram que as atividades portuárias voltaram à normalidade após quatro dias de suspensão. O porto recebe 40% dos veículos importados e também grandes quantidades de minerais de ferro, matéria-prima para a indústria siderúrgica nacional. O primeiro-ministro, Li Keqiang, visitou o local neste domingo (16), enquanto o Tribunal Supremo chinês anunciou a abertura de uma investigação para esclarecer se houve negligência no acidente, que ocorreu num armazém de materiais químicos perigosos e altamente inflamáveis.
 

Caetano e Gil homenageiam vozes negras do início da axé music em show no Palco Viva

por Lucas Cunha
Caetano e Gil homenageiam vozes negras do início da axé music em show no Palco Viva
Dupla cantou no TCA neste domingo (16) | Foto: João Franco / Divulgação.
“Nossa gente”. Foi com essa frase que Caetano Veloso encerrou ao lado amigo e parceiro Gilberto Gil a apresentação que fizeram na noite desse domingo (16) no palco do Teatro Castro Alves, como parte das gravações do especial “Globo de Ouro - Palco Viva Axé”, que presta homenagem aos 30 anos da axé music. “Nossa Gente” é o título oficial da música mais conhecida como  “Avisa Lá”, canção lançada em 1992 pelo Olodum composta por Roque Carvalho e imortalizada na voz de Germano Meneghel (morto em 2011), posteriormente regravada por muitos artistas baianos e nacionais. Mas parecia que a “Nossa Gente” a quem Caetano se referia eram os seis músicos do Olodum que acompanharam os pais da Tropicalia durante o show, no mais nobre palco da capital baiana, em uma referência a musicalidade de blocos e artistas negros, que deram às células rítmicas base para a “música de carnaval baiana” que originou a axé music. A gravação no TCA foi rápida: bastaram dois takes para Caetano, Gil e os músicos do Olodum gravarem a versão oficial, que vai ao ar em uma das seis apresentações que serão exibidas a partir do dia 19 de outubro no canal fechado VIVA. Já na primeira, todos pareciam estar em casa, apesar de, segundo informações de bastidores, Caetano não ter participado dos ensaios. Nem precisou. “Ficou bom assim, né? Vamos lá, então.Agora, para valer”, disse Gilberto Gil ao fim do primeiro take, praticamente um ensaio ao vivo. E o público se animou ainda mais, nem parecendo que tinham acabado de ouvir a mesma. 
 
                Sozinho, Caetano cantou "Meia-Lua Inteira", composição de Carlinhos Brown | Foto: João Franco / Divulgação.

Antes, Caetano também entrou sozinho para cantar outro sucesso da axé music, composto por outra voz negra da música baiana: “Meia-Lua Inteira”, gravada em 1989 no disco “Estrangeiro” pelo próprio Caetano e composta pelo, à época, ainda desconhecido - em nível nacional - Carlinhos Brown, que foi percussionista de Caetano nesta época. A música ganhou destaque nacional por meio da trilha da novela “Tieta”, que ainda tinha outro integrante da axé music, Luis Caldas, cantando o tema de abertura do folhetim da TV Globo. Assim como aconteceu em “Nossa Gente (Avisa Lá)”, dois takes foram suficientes para a gravação. No primeiro, a voz de Caetano chegou a apresentar algumas falhas e o público - e o próprio Caetano - não parecia tão empolgado, com a plateia mais preocupada em tirar ‘selfies’ do que curtir o show. O próprio Caetano parece ter percebido isso e, após uma entrada apenas com um sorriso discreto, saldou o público que o aguardava. “Muito bom ter vocês aqui. Vamos ter que fazer de novo, porque minha voz não ficou muito boa e também tiveram umas falhas na tela (com a letra). Mas acho que ainda lembro dela", disse, arrancando risadas do público. Na segunda tentativa, o santamarense de 73 anos mostrou vitalidade de menino e contagiou o público presente no TCA. A produção liberou e a maioria do público do TCA (que ocupava apenas a parte de baixo do teatro) foi para frente do palco, tirar mais fotos e ‘selfies’ com Caetano ao fundo, mesmo com os pedidos da produção para não tirar fotos durante a apresentação. Caetano Veloso e Gilberto Gil voltam a cantar juntos em Salvador, dessa vez em show completo, ainda em 2015, em data e local a confirmar, como parte de sua turnê “Caetano & Gil - Dois Amigos, Um Século de Música". A turnê estreia no Brasil, após shows pelo exterior, nos próximos dias 21 e 21 de agosto, em São Paulo.

Veja como foi a apresentação de "Nossa Gente (Avisa Lá)", com Caetano Veloso, Gilberto Gil e músicos do Olodum:

Presidente da OAB quer que Dilma peça desculpas ao Brasil por campanha eleitoral


Presidente da OAB quer que Dilma peça desculpas ao Brasil por campanha eleitoral
Foto: OAB
O presidente do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Marcus Vinicius Furtado Côelho, quer que a presidente Dilma Rousseff peça desculpas ao Brasil, por ter apresentado uma realidade econômica inexistente durante sua campanha eleitoral. A declaração foi feita neste domingo (16). "É chegada a hora de revelar esse engano, assumir os equívocos e conclamar a união da sociedade brasileira para a superação da crise ética, política e econômica", afirma. Em sua opinião, esse gesto é importante na retomada da governabilidade do país e para a estabilidade institucional. Para o presidente da Ordem, o diálogo com a sociedade deve ser permanente e não apenas em momentos de crise. "Diálogo de verdade se faz com quem pensa diferente, e não apenas com os apoiadores. É preciso saber ouvir as críticas", complementa. Ao criticar, ele afirma: "Melhorar os gastos públicos é a primeira tarefa desta retomada de governo". Em nota, Marcus Vinicius ainda diz que o “Brasil é um país muito complexo e diversificado para um governo a quatro paredes”. “Dialogar significa não apenas fazer propaganda política, mas, efetivamente, ouvir as sugestões e decidir o melhor a partir da troca de ideias e experiências”, pontua. Ele ainda diz que melhorar os gastos públicos é a primeira tarefa desta retomada de governo. “Havendo sinceridade, sem números maquiados, olho no olho, o povo brasileiro estará disposto a contribuir com a superação desta crise ética, econômica e política”,.

terça-feira, 11 de agosto de 2015

Rui quer instalar câmeras que rastreiam veículo sinalizado como roubado em aplicativo

por Alexandre Galvão/ Estela Marques

Rui quer instalar câmeras que rastreiam veículo sinalizado como roubado em aplicativo
Foto: Alexandre Galvão/ Bahia Notícias
O governador Rui Costa (PT) parece empolgado com o lançamento do ‘Detran-BA Mobile’, aplicativo lançado nesta terça-feira (11), e já faz planos para integrá-lo a outras tecnologias. Em entrevista, o petista anunciou o interesse em instalar câmeras de segurança que poderão ler a identificação de um veículo que tenha sido roubado ou furtado, conforme sinalização feita pelo cidadão no próprio aplicativo do Detran. “É um serviço a mais, eu diria que vai reduzir também a criminalidade usando os veículos furtados das pessoas”, analisou o governador. Para tanto, ainda é preciso escolher entre as tecnologias disponíveis, sob assessoria do secretário de Ciência e Tecnologia, para depois abrir o processo licitatório e disponibilizar o serviço à população. De acordo com Rui, algo semelhante tem sido oferecido pela Via Bahia nos trechos da BR-116 Sul e da BR-324. “Eles têm câmeras de televisão filmando toda a BR e eu já pedi a disponibilidade dessas imagens para o centro da Polícia Militar. Vamos integrar e teremos de imediato toda a BR-116 Sul e toda a BR-324 com imagens capturadas e disponíveis para a polícia”, explicou.